PACAP 4 AULAS REGULARES

PACAP 4, com João dos Santos Martins

!! TERCEIRA CALL ATÉ 25 DE OUTUBRO !!

+ informações aqui \\ + info here

CARTOGRAFIAS #2

3 A 19 OUTUBRO 2019

“O corpo como fronteira de resistência” define a sua linha programática;
uma dança que produz metáforas de resistência, criando dispositivos situados entre o político e o estético.

+ informações aqui

   
 

WORKSHOP DE BUTOH

COM YAEL KARAVAN

Butoh é uma dança de vanguarda, uma filosofia e um método que foi criado no Japão, no final dos anos 50, por Tatsumi Hijikata e Kazuo Ohno. Não se trata de uma técnica, mas de um método e uma abordagem da dança que nasce de dentro de nós e nos conecta a nossa essência, natureza, universo e aos ciclos da vida e da morte.

+ informações aqui

 
   
AULAS REGULARES AULAS REGULARES

AULAS REGULARES \\ JOVENS E CRIANÇAS

FORUM DANÇA 2019/20

As actividades extracurriculares podem (e devem) incluir outras formas do saber-fazer como, por exemplo,
o desenvolvimento da expressão corporal, quer seja através da dança ou do teatro, para estimular
a criatividade dos mais novos de uma forma alternativa.
Oferecemos a primeira aula experimental em Outubro à sua escolha.

+ informações aqui

AULAS REGULARES \\ ADULTOS

FORUM DANÇA 2019/20

As aulas regulares do Forum Dança no Espaço da Penha tocam as faces diversas da interpretação e movimento partindo de níveis abertos até aos mais avançados ou específicos. Dança, Movimento e Teatro para crianças, jovens e adultos, são, em diferentes horários, orientados por um corpo docente em constante pesquisa artística combinada com estratégias pedagógicas efectivas.
Oferecemos a primeira aula experimental em Outubro à sua escolha.

+ informações aqui

   


DESCONTO DE 30% PARA ALUNOS E PROFESSORES

DO FORUM DANÇA EM TODOS OS LIVROS DA ORFEU NEGRO

[ www.orfeunegro.org ]


Vermelho - História de uma cor | Michel Pastoureau

“É este o paradoxo do vermelho, que já não é a nossa cor preferida, que se torna cada vez mais discreto no nosso quotidiano, que em muitos campos é ultrapassado pelo azul, talvez mesmo pelo verde, mas que continua a ser simbolicamente o mais forte. Estranho destino para uma cor vinda de tão longe e tão carregada de sentidos, de lendas e de sonhos!”

Nenhuma cor se compara ao vermelho; é a cor arquetípica, a primeira a ser dominada e reproduzida pela humanidade em pinturas parietais e adornos corporais. Vinculado ao fogo e ao sangue desde épocas remotas, o vermelho desdobra-se num labirinto cromático particularmente fecundo e ambivalente: cor do Graal e do amor nos romances de cavalaria, cor do Capuchinho Vermelho, será também a cor dos proscritos, das forças do mal, indiciando perigos e interdições. Marginalizado por Newton e renegado pela Reforma protestante, o vermelho perde o seu estatuto de primeira cor e torna-se demasiado vistoso, e até imoral. Permanecerá, no entanto, como a cor do erotismo, da alegria e da revolução.

Michel Pastoureau, historiador francês, é um dos maiores especialistas na simbólica das cores e em heráldica. Director de estudos na École Pratique des Hautes Études, onde ocupa a cátedra de História da Simbólica Ocidental, recebeu, em 2010, o Prémio Médicis para ensaio, com Les Couleurs de nos souvenirs. Publicou diversas obras dedicadas à história das cores, dos animais e dos símbolos, designadamente Preto, Azul e Verde, publicadas em Portugal pelas edições Orfeu Negro.

 

Tradução José Alfaro
Ano de edição 2019 | N.º pp. 288 | Formato 12,3 x 18 cm | EAN 9789898868657

Manifesto Contra-Sexual | Paul B. Preciado

É possível aprender e inventar outras sexualidades, outros regimes de desejo e de produção de prazer. A contra-sexualidade é uma tentativa de nos tornarmos estranhos à nossa própria sexualidade e de nos perdermos na tradução sexual.
Paul B. Preciado

Publicado originalmente em 2000, manifesto contra-sexual é já um livro de culto da teoria queer. Incisivo e desafiante, este manifesto convida a repensar as nossas concepções de corpo, género e sexualidade, rejeitando a estrutura heteronormativa do sistema patriarcal e assumindo a plasticidade dos corpos. O dildo, enquanto objecto artificial, anexável e iterável que evade a genitalização do sexo, é a base e o expoente da revolução contra-sexual aqui proposta. Fundindo filosofia com cultura pop e jamais sacrificando a vida em prol da teoria, Preciado desenha novas possibilidades para a experimentação política, sexual, social e artística.

Tradução Luís Leitão | Prefácio Pê Feijó
Ano de edição 2019 | N.º pp. 272 | Formato 12,3 x 18 cm | EAN 9789898868626

 


DESCONTO DE 30% PARA ALUNOS E PROFESSORES

DO FORUM DANÇA EM TODOS OS LIVROS DA ORFEU MINI


A Minha Incrível Escola... | Davide Cali e Benjamin Chaud

ENTREM NESTA ESCOLA POR VOSSA CONTA E RISCO!
O Henrique tem uma colega nova e é preciso mostrar-lhe todos os recantos da escola. Numa visita alucinante, descobrem os segredos das salas, dos corredores e do recreio. Há invenções misteriosas, uma biblioteca que é um labirinto, puré de batata explosivo ao almoço e professores que bem podem ser monstros...
Divirtam-se com mais este título da hilariante série criada por Davide Cali e Benjamin Chaud, que na colecção Orfeu Mini já conta com os álbuns Cheguei Atrasado à Escola Porque..., Não Fiz os Trabalhos de Casa Porque…, Perdi-me no Museu Porque...
e As Minhas Incríveis Férias de Verão...

Colecção Orfeu Mini | Tradução Rui Lopes
Ano de edição 2019 | N.º pp. 44 | Formato 15,8 x 21 cm | EAN 9789898868534

MVSEVM | Javier Sáez Castán e Manuel Marsol

O que é um Museu?
Será um mero local de arquivo de imagens e objectos ou um espaço que todos podemos recriar em cada olhar? E será estática a nossa visão ou transformativa?
Neste álbum silencioso de Javier Sáez Castán e Manuel Marsol, dois grandes ilustradores do nosso catálogo, um misterioso museu cativa e brinca com um visitante incauto, a ponto de não o querer deixar sair.
Um verdadeiro thriller pictórico que prende o leitor até ao desenlace...

Colecção Orfeu Mini
Ano de edição 2019 | N.º pp. 52 | Formato 20 x 20 cm | capa dura | EAN 9789898868619

 


DESCONTO DE 20% PARA ALUNOS E PROFESSORES

DO FORUM DANÇA NO LIVRO:


Composição em Tempo Real: Anatomia de uma decisão
João Fiadeiro

A Composição em Tempo Real é uma ferramenta teórico-prática que investiga os processos de reacção, decisão e composição que são normalmente accionados em situação de improvisação, ou seja na sequência de um encontro com o inesperado. A potência desse encontro – a sua força e alcance – é directamente proporcional à capacidade de suspender o seu sentido, na tripla acepção da palavra: significado, direcção e sensação. Essa suspensão desarma a certeza e prolonga a brecha do ‘não-saber’, condição para adiar a resposta e formular a pergunta que nos inquieta. Em termos individuais, é esse o objectivo último desta prática: identificar, no meio do ruído e do excesso que nos interpela continuamente, aquilo que de facto nos afecta, nos toca e nos move.

Textos: João Fiadeiro, Romain Bigé e David-Alexandre Guéniot

Fotografias: Ariny Bianchi, Jorge Gonçalves, Carolina Campos, João Fiadeiro, Patrícia Almeida, David-Alexandre Guéniot

 

 

Design: Letra/Marco Balesteros (www.letra.com.pt)
Coordenação editorial: David-Alexandre Guéniot
Edição do material visual: Patrícia Almeida
Tradução e revisão: Paula Caspão
Apoios: Direção-Geral das Artes – República Portuguesa, Centre National de la Danse (CND).
Ano de edição 2017
N.º pp. 120
Formato 22 x 29,7 cm
ISBN 978-989-20-7985-1

Preço: 25,00€ 20,00 €

www.ghost.pt

       

 

O Forum Dança é uma estrutura independente financiada pelo Ministério da Cultura, Direcção Geral das Artes e pela Câmara Municipal de Lisboa.
O Forum Dança é uma estrutura reconhecida como pessoa colectiva de utilidade pública, desde 1998.
O Forum Dança pertence à REDE - Associação de Estruturas para a Dança Contemporânea.